A Fazenda

Localizada no município de Santana de Parnaíba (vizinho a cidade de São Paulo), a Fazenda Itahyê produz hortaliças segundo as normas de certificação de orgânicos no Brasil.

Sua história teve origem na década de 1920, quando o casal Alberto e Pérola Byington adquiriu sua primeira gleba na região, conhecida hoje pelo nome de Fazenda Velha. Depois, foram adquiridas mais três glebas, totalizando uma área com cerca de 1.000 alqueires.

Inicialmente, essas glebas foram adquiridas para o fornecimento de lenha para uma fábrica (de Alberto Byington) no Bairro da Moóca, em São Paulo: os carregamentos eram levados no lombo de muares, levando até 2 dias para chegar ao seu destino.

Nas décadas seguintes, iniciou-se a produção de leite Tipo A com a importação de gado holandês dos Estados Unidos e sua criação aqui no Brasil.

Com o passar do tempo, a urbanização da região e a população crescente fizeram com que as cidades fossem ficando cada vez mais próximas à fazenda, considerada um dos últimos locais para o desenvolvimento urbano ordenado na Região Metropolitana de São Paulo. Em 2008 foi lançada a 1ª Fase do Residencial Itahyê, sendo que a 2ª Fase foi em abril de 2018. Em 2012 iniciou-se um denso projeto de planejamento e elaboração do ‘Plano Urbanístico da Fazenda Itahyê’, seguido dos estudos ref. EIA-RIMA.

E, em 2017, o Grupo Itahyê implantou uma nova Unidade de Negócios, a ‘Fazenda Itahyê Orgânicos’, visando a produção e comercialização de hortaliças orgânicas, que já foram certificadas e estão sendo vendidas para clientes de Alphaville, Tamboré, Aldeia da Serra e parte de São Paulo.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial